A NOSSA HISTÓRIA

Mais conhecido por DESPORTIVO DE LEÇA, ou BASQUETE DE LEÇA, ou simplesmente GDBL, o GRUPO DESPORTIVO DE BASQUETE DE LEÇA foi fundado a 1 de Junho de 1972, fruto da insatisfação de algumas pessoas que até aí se encontravam ligados à secção de basquetebol do Leça Futebol Clube.

 

A primeira reunião da Comissão Organizadora aconteceu precisamente naquela data, na sede provisória, sita na Rua Direita, n.º 784, r/c direito, em Leça da Palmeira, tendo sido eleito para respectivo presidente António Lima e os demais membros foram António Castanheira, António Rocha e Costa, Rui Almeida e Augusto Almeida. No início de 1975 a sede social passou para a Rua Hintze Ribeiro, n.º 307 e ali tomaram posse os membros dos primeiros órgãos sociais, sendo Presidente da Direcção Cláudio Gomes.
 

Muitos outros “carolas” ocuparam depois tal cargo e ainda muitos mais fizeram parte dos órgãos sociais do clube, sendo merecedores de uma palavra de profundo apreço pelo trabalho que realizaram e pela dedicação que demonstraram e que permitiu que a instituição chegasse até hoje com a projecção e dimensão que é conhecida.

 

A primeira equipa de basquete a surgir foi a do escalão sénior que efectuou o primeiro treino em 15 de Agosto de 1972, no campo de jogos da já desaparecida empresa F.A.C.A.R. 

 

A 20 de Novembro de 1972 foi deliberado pela comissão organizadora a inscrição na A.B.P. de duas equipas de minibasquete, classe A e B, o que já traduzia, afinal, a principal vocação do clube, que até hoje se mantém, isto é, a iniciação e formação de atletas.
 

Na reunião da Direcção de 6 de Junho de 1975, foi lançada uma iniciativa que ainda hoje é lembrada com agrado e saudade: as manhãs infantis no Parque Infantil Florbela Espanca, aos domingos, proporcionando a inúmeras crianças até aos 13 anos actividades como o basquetebol, voleibol, atletismo, gincanas e corridas de bicicleta, teatro, canções, desenho. Na mesma vertente foram também lançados os concursos de Construções na Areia.
 

O clube passou a desenvolver também outras modalidades:  o Voleibol, no escalão sénior, e actividades culturais diversas, através da respectiva secção cultural, vindo em Junho de 1975 a ser criada a secção de Xadrez.

 

Em Julho de 1975 o clube promoveu a apresentação de peças de teatro no refeitório da F.A.C.A.R., pelos grupos Seiva Trupe e T.E.P. Estes apontamentos culturais, que foram acompanhados pela criação temporária de uma pequena biblioteca, pretenderam dotar o clube de uma vertente cultural que infelizmente se perdeu, mas cujo relançamento é cada vez mais uma hipótese.

 

Nas épocas de 1975/76 e 1976/77 o Voleibol sénior conseguiu subir da 3ª à 1ª divisão e a conquista de vários títulos, entre os quais o de Campeão Nacional da 3ª Divisão. Esta secção não durou mais do que alguns anos, por manifesta carência de espaços onde, em concorrência com o basquetebol, pudesse dedicar-se à formação.
 

Em 1977 surgiu a secção de Ténis de Mesa que, juntamente com o Xadrez, muito contribuiu para a animação da sede social. Esta duas secções mantiveram-se activas e com muita pujança e representatividade até ao momento em que a sede social deixou de oferecer condições para a prática correspondente.

Finalmente, no Basquetebol o clube tem marcado sucessivamente pontos junto da comunidade, das autarquias, da ABP, da FPB e das outras associações, pela dedicação extrema aos escalões mais jovens, encontrando-se ano após ano entre os clubes que maior número de crianças e jovens movimenta, especialmente no minibasquete, tendo, em média, nos últimos 10 anos, 160 atletas, a maioria dos quais entre os 8 e os 14 anos. Nas últimas épocas a captação de crianças para o basquetebol começou ainda mais cedo, com a criação do escalão baby, a partir dos 5 anos.

 

É esse trabalho iniciado desde muito cedo que permitiu já a conquista de vários títulos regionais destacando-se os campeonatos:  regional de juvenis 1978/1979, distrital de iniciados em 1996/97, 2002/2003 e 2005/2006,  o de cadetes na época de 1996/97 e 2012/2013, o de Juniores-B (2.ª divisão) 2008/2009,  inúmeras presenças em fases finais, designadamente nacionais, convocatórias de atletas para as selecções distritais e nacionais. Na época de 2010-2011, a 28 de Maio, a equipa de Sub-18 masculinos  conquistou  a Taça Nacional da categoria frente ao  Seixal FC.

 

A  dinâmica diretiva do Clube, resultou  na atribuição,  por parte das entidades que dirigem a modalidade, de distinções como a de  treinador do ano, de  dirigente do ano,  o de utilidade pública ao Clube, bem como o do reconhecimento de mérito desportivo, e ainda o prémio Cremildo Pereia.

 

Criaram-se e obtiveram-se condições para a construção de uma sede social própria.

Inaugurada no final de 2001 e sita na Rua Moinho de Vento, n.º 88, em Leça da Palmeira, a actual sede constitui um novo desafio para o clube, pois importa atrair para tal espaço não só os associados e atletas, mas também a comunidade em geral por forma a animá-lo constantemente e, dessa forma, justificar a sua existência.

 

Ainda em 2006, no mês de Setembro, o Clube mudou-se do antigo Pavilhão Municipal de Matosinhos para o novo Pavilhão Municipal de Leça da Palmeira, que veio proporcionar uma significativa melhoria nas condições da prática desportiva, com reflexos no aumento do número de atletas, e no acolhimento do cada vez maior número de adeptos do basquetebol que acorrem a acompanhar os muitos jogos que semanalmente acontecem. Apesar de tal melhoria, o clube passou a dispor de menos espaço para treinos comparativamente ao de que dispunha no Pavilhão Municipal de Matosinhos, o que, se atendermos ao aumento de atletas supra aludido, vem criar novas dificuldades.

 

Efectivamente, depois de muitos anos em que, com excepção do minibasquete, o clube apenas teve escalões masculinos, surgiu na época 2004-2005 a  aposta também nos escalões femininos com duas equipas: iniciadas e outra de cadetes. Actualmente  o Desportivo de Leça tem equipas em todos os escalões femininos, das Sub-14 ás Seniores .

 

Com o objectivo de não só de informar os seus atletas e associados, mas ainda o de divulgar o Clube junto do público em geral, bem como assim  de marcar a sua presença na rede global,  concretizou-se a instalação do sítio www.gdbl.pt.

 

Nas épocas 2010 a 2012, a equipa Sénior masculina enriqueceu ainda mais este historial, subindo  primeiro  à CNB1, e na época 2011-2012, com a conquista do 1º. Lugar da Zona Norte do CNB1 e consequente subida à PROLIGA.

 

Na  época 2012-2013 o Clube marcou presença em todas as finais distritais masculinas: Sub-14, Sub-16, Sub-18 e Sub-20, destas apenas os Sub-14 não lograram qualificar-se para o Torneio Nacional, os  Sub-16 conquistaram o segundo Título Distrital para o Clube neste escalão, os Sub-18 qualificaram-se em 2º.  e os Sub-20 ficaram-se pelas meias-finais. Estas classificações conduziram as nossas equipas  aos respectivos Campeonatos Nacionais.

 

Apesar do excelente trabalho que continua a ser desenvolvido no basquetebol, a sua melhoria e crescimento passa necessariamente pela disponibilidade de um espaço que permita mais tempos de trabalho, permanece e continua o desafio de sensibilização das Entidades Oficiais para essa realidade.

  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone Instagram
  • White Twitter Icon
  • Flickr - White Circle
  • FPB-calendario